19 julho 2009

Um Certo Lugar…



Aos que lá tendo estado deixaram um pouco do seu coração



UmCertoLugar #003 [JMB]UmCertoLugar #019 [JMB]



Existe neste país encantador um lugar
para lá do Tejo recostado na serra
antes desse imenso Alentejo desfeito na planície
muito antes do alcance do oceano
cuja porta de entrada é
azul ou amarela ou alegre



UmCertoLugar #007 [JMB]UmCertoLugar #014 [JMB]


Contíguo a um campo de girassóis
existe imaculado escorreito
simples e sem comunicações móveis
onde as pessoas sorriem caminhando devagar
pelas ruelas se entrecruzando
com memórias da infância


UmCertoLugar #004 [JMB]UmCertoLugar #006 [JMB]


A terra é fértil
fica-se ébrio ao romper da aurora
um homem cura a dor de dentes com o bagaço da terra
os amigos trocam abraços ainda desconhecidos
onde os beijos florescem nas bocas
perpetuadas e ansiosas


UmCertoLugar #002 [JMB]UmCertoLugar #005 [JMB]


No Alto Alentejo existe um lugar
encostado a um outro país
apenas um pontinho no mapa
onde se entra sem vontade de regressar
desenganando-se o turista incauto porque
esse lugar somente se visita com o coração


UmCertoLugar #008 [JMB]UmCertoLugar #010 [JMB]


Em Alegrete dão-se as mãos
alargam-se os sorrisos
e os homens pegam os toiros com ingenuidade
Escutam-se as cigarras e o vento sibilante
também se escuta de coração
nas mãos


UmCertoLugar #001 [JMB]UmCertoLugar #009 [JMB]


que enxaguam lágrimas furtivas quando partes
E fazem-se longos silêncios num escutar das batidas
afastando-te
Em Alegrete é pesado o silêncio quando vais…
Recolhem-se as mágoas num copo de vinho
ou num leito cúmplice…


UmCertoLugar #011 [JMB]UmCertoLugar #012 [JMB]


Em Alegrete esquecemos o tempo num eterno presente
mas só até ao dia seguinte porque
em Alegrete não existem razões para chorar afinal
porque o que nos ofereces - força e esperança -
são energia vital com que nos alimentas
Em Alegrete o abraço é mágico e contundente


UmCertoLugar #016 [JMB]UmCertoLugar #017 [JMB]



E a espera enlouquece
nesse recanto muito pequenino perto da igreja
onde as entregas são genuínas e verdadeiras
Em Alegrete no teu quintal
o horizonte é mais azul
lá onde tão rapidamente se refaz a saudade…



UmCertoLugar #013 [JMB]UmCertoLugar #015 [JMB]





UmCertoLugarEmAlegrete#001 [JMB]



Protected by Copyscape Plagiarism Tool

Sem comentários: