28 maio 2008

Praia deserta




Algures na praia deserta
Te sinto e absorvo no orvalho da manhã
Que nasce…



O dia desponta
E a tarde se faz tarde



Até que a noite vem cansada de esperar…




Page copy protected against web site content infringement by Copyscape

Sem comentários: